Gentili, realidade e humor de mãos dadas

Danilo Gentili despontou no cenário artístico em 2003 e logo mostrou que a sua intenção era tratar a realidade brasileira com muita irreverência

Desde março de 2014 ele entra no ar todos os dias, quer dizer de segunda à sexta-feira, à meia noite meia, com direito a repeteco nas noites de sábado, entrevistando convidados e fazendo comédia com assunto sério. Estamos falando de Danilo Gentili e o seu “The Noite”, mostrado pelo SBT. Elogiado, criticado e também odiado, Danilo Gentili figura no cenário artístico como um dos maiores nomes do humor brasileiro e um dos precursores do gênero “stand-up comedy”. E não é só isso, além de apresentador, Gentili é dublador, escritor, cartunista, ator, publicitário e empresário.

Ao lado do patrão Silvio Santos e em companhia de Raquel Sherazade, Danilo Gentili também participou do “Jogo das 3 Pistas” / Lourival Ribeiro

O “The Noite” com Danilo Gentili, através de seus entrevistados, aborda os fatos relevantes do dia, e os irrelevantes também. Tudo regado com muito humor e irreverencia, o que torna a atração dinâmica e seu apresentador, muitas vezes, odiado por causa de comentários inteligentes e ácidos que faz acerca dos assuntos abordados.

Na atração, Gentili conta com o apoio de Léo Lins, Murilo Couto, Juliana, a assistente de palco e o irreverente locutor Diguinho Coruja. E não se poderia deixar de fora a participação do “Ultraje a Rigor”, responsável pela parte musical e pelos comentários do vocalista Roger Moreira, o astro do quadro “O Homem do QI 200”, e que sempre resolve as dúvidas e problemas durante o programa.

Aos quase 40 anos de idade (ele faz aniversário no próximo dia 27), Gentili contabiliza o reconhecimento por sua atuação. Ele recebeu a comenda “Soberana Ordem do Mérito Empreendedor Juscelino Kubitschek”, concedida pelo Centro de Integração Cultural e Empresarial de São Paulo (CICESP) e por isso ele intitula-se “Comendador Gentili”; ganhou também o “Mérito Artístico e Cultural” da Academia Brasileira de Ciências, Artes, História e Literatura. Quanto à carreira de empresário, Danilo é um dos sócios do clube de comédia Comedians, no qual humoristas apresentam seus shows.

Danilo Gentili Júnior nasceu em São Paulo, na cidade de Santo André, em 1979. Filho de Dona Guimar e do Seu Danilo, perdeu o pai quando tinha 18 anos e, meses depois, sua irmã mais velha faleceu vitimada por um acidente.

No ano de 2003, formou-se em Comunicação Social – Publicidade e Propaganda na UniABC. Três anos depois, fundou o “Comédia ao Vivo”, um show de humor de sua autoria. A partir daí, integrou o “Clube da Comédia Stand-Up” e participou de inúmeros festivais de humor. Como cartunista, manteve colunas semanais no jornal “Metro”.

O reconhecimento e sucesso absoluto vieram quando ele foi selecionado para compor o elenco do “Custe O Que Custar”, o extinto “CQC”, exibido pela Rede Bandeirantes. A sua participação no programa deveria ter sido temporária, no entanto fez tanto sucesso, que ganhou lugar fixo. Desta época em sua carreira, vale destacar o quadro “Repórter Inexperiente” no qual ele se passava por um profissional novato que fazia perguntas confusas e despropositais. No “CQC”, Danilo também “bombou” como repórter de rua tendo visitado o Congresso Nacional e deixado alguns políticos literalmente de cabelo em pé por causa de suas perguntas diretas chegando a ser expulso daquele recinto. Vale lembrar que Gentili também foi expulso do Senado por ter questionado um dos senadores.

Seu primeiro livro, “Como Se Tornar O Pior Aluno Da Escola” foi editado em 2009, que posteriormente virou filme. No ano seguinte escreveu “Politicamente Incorreto”, no qual não poupa críticas a diversos políticos que fizeram, e fazem, a história administrativa do Brasil.  O terceiro livro foi lançado em 2012, “A Vida E Outros Detalhes Insignificante”, no qual ele fala de sua família e ex-relacionamentos  em forma de piada, a sua marca registrada. Seu lançamento mais recente é “Droodles”.

Thaeme e Thiago foram uns dos entrevistados que já passaram pela atração comandada por Danilo Gentili, nas noites do SBT / Gabriel Cardoso

Em junho de 2011, estreou na carreira solo de apresentador na Rede Bandeirantes com o “Agora É Tarde”, atuando ao lado de Marcelo Mansfield, Murilo Couto e Léo Lins. Paralelamente, continuou integrando o “CQC” até novembro daquele ano quando o “Agora É Tarde” passou a ser diário devido aos excelentes índices de audiência.  O ano de 2011 foi período de novidades na carreira de Gentili também por causa do lançamento do seu primeiro jogo, “O Mundo vs Danilo Gentili” que acabou ganhando o primeiro prêmio na categoria Game Mobile da Brasil Game Shows.

No cinema nacional, Danilo Gentili estreou no filme “Mato Sem Cachorro”, ao lado de Leandra Leal e Bruno Gagliasso, colaborando inclusive com o roteiro.

Desde março de 2014, Gentili está no SBT e garante bons índices de audiência para emissora. Além do programa na televisão, ele continua incansável e atuando no “stand-up comedy”, sendo que a sua imagem é associada a critica com humor e liberdade de expressão.

Apesar de tanta irreverência, Danilo Gentili não expõe a sua vida pessoal. Discreto, leva a vida com simplicidade, mas não esconde a sua paixão por animais.

Bonitão e até considerado galã, evita namorar mulheres famosas. No entanto, não esconde que quer se casar e ter a sua família.

 

 

 

 

Confira também

O cuidado na hora de escolher o estilo do cabelo

Novidades aparecem todos os dias, no entanto na hora de escolher o corte é preciso …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *