Polícia prendem três homens acusados de estelionato em Cabo Frio

Agentes da Delegacia de Cabo Frio prenderam, na sexta-feira (16), três pessoas, acusadas de estelionato. O trio era especializado em aplicar o conhecido golpe do bilhete premiado, atuando em todo o Brasil, principalmente no trecho entre Londrina (PR) até Cabo Frio, na Região dos Lagos.

Eles foram identificados como sendo Wilson Casturino Ramos; Miguel dos Santos e Graciane Dias Gomes Gonçalves, todos originários do Estado do Paraná. O Setor de Inteligência agora realiza pesquisa em toda a região para encontrar mais pessoas lesadas pelo grupo criminoso.

O líder do grupo, Wilson, tinha a função de organizar o trabalho de seus colaboradores. Ele planejava e coordenava toda a atuação, conduzindo os demais integrantes em seu veículo e realizando operações bancárias posteriores para ocultar e dissolver o dinheiro subtraído em várias contas, partilhando logo depois os valores conseguidos entre os criminosos.

Wilson dissolvia o dinheiro arrecadado das vítimas em várias contas pelo Brasil, sendo certo que cada integrante recebia a quantia de R$ 9.750,00 por golpe concluído. A Distrital agora trabalha para identificar os demais integrantes da organização criminosa, que seriam de São Paulo, e as contas bancárias com consequente bloqueio dos valores visando ao ressarcimento das vítimas.

Deve-se mencionar que os presos levavam vida de luxo, alugando mansão em Itaúna, Saquarema, à beira mar e ficavam em hotéis renomados, alimentando-se em restaurantes requintados, quando comemoravam o êxito.

Importante destacar que o grupo criminoso atua no ramo de tais delitos patrimoniais desde 2008, possuindo maus antecedentes e condenações em outros estados da Federação.

Confira também

Polícia prende quadrilha que tentava furtar caixas eletrônicos em Casimiro de Abreu

Policiais do DPO de Casimiro de Abreu prenderam na madrugada deste sábado (18) seis homens …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *