Sargento do BPRv de Araruama é 16º policial militar assassinado em 2018 no Rio

O sargento Fábio Miranda era lotado no Batalhão de Polícia Rodoviária (BPRv) de Araruama (Reprodução/Redes sociais)

A Polícia Militar do Rio de Janeiro informou a morte do sargento Fábio Miranda Silva, ferido por criminosos no bairro do Méier, zona norte da cidade, durante sua folga, no início da tarde desta terça-feira (13). Assim, sobe para 16 o número de policiais militares assassinados no Rio este ano.

De acordo com a corporação, Silva estava andando em uma rua do bairro quando criminosos armados passaram atirando. Investigações preliminares feitas no local indicam que teria ocorrido tentativa de roubo.

O sargento foi levado para o Hospital Municipal Salgado Filho, mas não resistiu aos ferimentos. Ele era lotado no Batalhão de Polícia Rodoviária (BPRv) de Araruama, na Região dos Lagos, tinha 41 anos, estava na Corporação desde 2002 e deixa dois filhos. Até o momento, não foi informado nem o horário nem o local do sepultamento.

Dos 16 policiais que perderam a vida este ano, sete estavam de serviço, oito estavam de folga e um era reformado. Dois policiais civis também foram assassinados desde janeiro, totalizando 18 agentes de segurança mortos em 2018.

Confira também

Gilmar Mendes substitui prisão de ex-secretário do Rio por medidas cautelares

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Gilmar Mendes, determinou nesta quinta-feira (8) a suspensão …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *