Marcelo Magno aciona MP contra decreto de Renatinho Vianna

Ato administrativo libera entrada sem restrições de quase todo o tipo de transporte em Arraial do Cabo

Por Cezar Guedes em 21/11/2020 às 15:52:38
Porque editou Decreto revogando medidas preventivas de combate à Covid 19, advogados do prefeito eleito Marcelo Magno acionaram o MInistério Público para que atue contra os recentes atos do prefeito de Arraial do Cabo, Renatinho Vianna. De acordo com o decreto 3.187, medidas de combate à doença foram revogadas como suspensão de barreira sanitária na entrada da cidade, o que permite a entrada livre de vans, veículos de turismo similares, ônibus, veículos particulares na cidade.
O decreto de Vianna, contraria, segundo Marcelo, "o atual cenário de tragédia epidemiológica anunciada no Estado do Rio de Janeiro e Baixada Litorânea, com o aumento significativo de novos casos de contaminação do coronavírus".
O objetivo da representação visa determinar que o atual prefeito mantenha as medidas de prevenção e combate ao COVID-19, apresente as justificativas para o relaxamento total das medidas preventivas em pleno crescimento de casos no Estado do Rio de Janeiro.
Na sexta-feira 19, o Estado registrou 108 mortes e 2.118 novos casos de contaminação provocados pelo coronavírus. Um aumento de 152% em comparação aos há 14 dias anteriores,
Coincidentemente, o decreto de Renatinho Vianna foi publicado dois dias das eleições municipais, quando foi derrotado por Marcelo Magno. Arraial do Cabo não tem serviço de UT e o sistema de saúde é precário, A medida, segundo o prefeito eleito, "vai na contramão do enfrentamento ao combate ao vírus, deixando toda a população lançada à própria sorte".
Comunicar erro
TV AO VIVO
Minha Casa Pre Fabricada