Administrador de fazenda, condenado por roubar gado em Casimiro é preso em Rio das Ostras

Por Cezar Guedes em 12/09/2021 às 13:57:45

Acusado do maior roubo de gado do Estado, o administrador de fazenda Edson Mauro Valin (foto) foi preso na manhã de ontem, dia 11, em Rio das Ostras. Contra ele, pesa a denúncia de ter furtado R$ 2.200.000,00 (dois milhões e duzentos mil reais) em animais.

O crime ocorreu em Casimiro de Abreu, em uma fazenda onde Edson era administrador. 2.348 cabeças foram desviadas. O crime é considerado o maior roubo de gado da história do estado do Rio de Janeiro.

Segundo as acusações, ele se aliou a outras pessoas para, aos poucos, ir colocando o gado em caminhonetes que levavam os animais para outro lugar. O processo tramitou na vara criminal de Casimiro de Abreu, município onde Edson comprou uma casa de luxo.

Outro processo, que apura a receptação do gado furtado, ainda está em andamento. Pelos crimes de furto qualificado e lavagem de dinheiro, ele ficará preso por 6 anos e 8 meses, em regime fechado.


Edson foi capturado na Rua Itaperu, no Bairro Parque Zabulão em Rio das Ostras. Em sua casa, foi apreendida uma pistola Taurus modelo PT 838 com três carregadores.

Ele encontra-se na sede da 128ª DP Rio das Ostras aguardando transferência para a Audiência de Custódia.

Comunicar erro
Anazon-Moda e Beleza