Macaé estuda construção de borboletário em parque municipal

Por Cezar Guedes em 09/05/2022 às 22:57:38

Macaé pode ter um local específico para a procriação de borboletas. O local escolhido é o Parque Municipal do Atalaia. Aberto, recentemente, o Parque foi visitado no sábado (7) pelo Superintendente Regional do Instituto Estadual do Ambiente (Inea), Ronaldo Paes Leme. Acompanhado do Secretário de Meio Ambiente e Sustentabilidade, Juninho Luna, o superintendente esteve no local para verificar e realizar o estudo técnico para a construção de um borboletário no espaço.

A obra que deve receber o investimento da Prefeitura de Macaé. O foco é criar um corredor de atrativos dentro do Parque.A área, localizada a 27 quilômetros do centro de Macaé, possui 235 hectares - 75% de mata fechada - e é uma das poucas reservas de Mata Atlântica ainda intactas no Estado do Rio de Janeiro.

A proposta é implementar uma estrutura voltada para que o público possa conhecer melhor o universo das borboletas com detalhes sobre seu ciclo de vida. De acordo com o secretário de Meio Ambiente e Sustentabilidade pasta, Juninho Luna, o Parque Atalaia tem muita importância para toda região. " O Parque Municipal Atalaia, por exemplo, durante muitos anos foi o responsável pelo abastecimento de Macaé. Temos muitas ações para executar no espaço, como as políticas de Unidades de Conservação. O borboletário só deve agregar o circuito de atrativos", observa Luna.Os borboletários são um tipo de zoológico exclusivo para a criação de diversas espécies de borboletas e suas fases de vida. (ovo, lagarta, pupa e adulto). No local, podem ser vistas borboletas voando dentro de estruturas semelhantes a casas de vegetação agrícola, enquanto as formas jovens são criadas em salas separadas. O conhecimento na criação de borboletas tem contribuído para reduzir o risco de extinção de espécies desse grupo, não somente pela aplicação de técnicas de manejo, mas também pelo fato de sensibilizar quanto ao contato com animais tão belos e, ao mesmo tempo, tão frágeis.Visto como uma das mais importantes reservas de Mata Atlântica do estado, além de contar com trilhas que levam a paraísos perdidos, como a Cachoeira da Fortuna, o Parque Municipal Atalaia recebe pesquisadores, estudantes e visitantes que apreciam sua reserva natural. E por ser um dos primeiros mananciais de Macaé e atrair um público expressivo a área do Parque foi reestruturada e recebeu uma carroça que vai retratar o período de abastecimento de água potável e a comercialização.O Parque Municipal Atalaia dispõe de cinco trilhas e faz parte do roteiro turístico oferecido aos que vêm conhecer Macaé. Foi criado em 1995, pela lei 1595/1995, e regulamentado de acordo com o Sistema Nacional de Unidades de Conservação, pela lei 2563/2004.

Comunicar erro
Computadores na amazon
Anazon-Moda e Beleza