Lábios que contam histórias: a fascinante jornada do batom através dos séculos

Por Marina Araújo em 08/02/2024 às 15:42:04
O batom vermelho é uma poderosa expressão de feminilidade! Os tons encarnados continuam a ser símbolos eternos de sensualidade e elegância / GB Imagem

O batom vermelho é uma poderosa expressão de feminilidade! Os tons encarnados continuam a ser símbolos eternos de sensualidade e elegância / GB Imagem

O batom é um ícone intemporal da beleza e sedução e tem uma história que remonta a tempos ancestrais. Sua jornada na busca pela expressão da sensualidade e feminilidade começou nas terras do Egito antigo, onde a rainha Nefertite deixou sua marca ao realçar seus lábios com pigmentos naturais, como hena e raízes.

Entretanto, foi somente no início do Século XIX que o batom moderno começou a dar seus primeiros passos. O perfumista francês Rhocopis inovou ao criar o "baton serviteur", uma mistura sólida composta por talco, óleo de amêndoas, essências e um vibrante pigmento vermelho. Este produto revolucionário foi inicialmente adotado por atrizes e prostitutas, mas sua ascensão para a aceitação popular foi um processo que se estendeu por quase um século.

Durante a Primeira Guerra Mundial, um período de transformações sociais e mudanças de papéis, as mulheres, agora desempenhando funções antes restritas aos homens, encontraram no batom uma expressão de sua nova independência e confiança. As mudanças na vestimenta feminina, com a substituição de espartilhos e saias longas por roupas mais práticas, impulsionaram ainda mais a popularização do batom.

Desde então, o batom evoluiu, incorporando novas cores, texturas e fórmulas. No entanto, uma constante permanece inalterada ao longo dos anos: a aura de poder e sedução que o batom confere aos lábios. A beleza atemporal do batom vermelho, em suas diversas nuances, continua a ser uma escolha preferida, transcendendo modismos e modas passageiras.

Assim, enquanto mergulhamos no universo multifacetado da maquiagem, é impossível ignorar o papel significativo que o batom desempenhou ao longo da história, moldando e refletindo as percepções de beleza, feminilidade e autoexpressão ao longo dos séculos.

O batom vermelho permanece imbatível, resistindo às mudanças nas tendências de maquiagem. No entanto, é sempre bom lembrar que as nuances básicas, conhecidas como nude, são uma aposta segura, complementando qualquer vestimenta e permitindo a intensificação da maquiagem nos olhos. Um "olhão" bem delineado harmoniza perfeitamente com lábios mais discretos.

As tonalidades roxas e berinjela gradualmente conquistaram espaço no universo da maquiagem, tornando-se escolhas ideais para a noite ou ocasiões que demandam produções mais elaboradas. Estes tons continuam a reinar supremos durante os períodos de clima mais frio.

Para aquelas que buscam arrasar, o vermelho e suas variações, como cereja, vinho, vermelho alaranjado e o clássico vermelho tomate, são opções infalíveis. O tempo passa, as tendências da moda evoluem, mas o batom vermelho permanece eternamente atemporal.

O batom vermelho sempre está em alta e pode ser usado sem hesitação, mas algumas regras básicas são sempre úteis. Devido à sua intensa coloração, recomenda-se o uso de um lápis labial, preferencialmente no mesmo tom do batom, para contornar os lábios antes da aplicação. Uma técnica eficaz é escolher um batom vermelho de tonalidade opaca, definindo bem o desenho da boca e removendo o excesso com um lenço de papel.

A aplicação de uma camada de gloss sobre o batom vermelho é uma excelente opção, proporcionando um efeito final maravilhoso. Para um visual mais diluído, aplicar primeiro o gloss e, em seguida, um pouco de batom vermelho resulta em lábios sensuais e com aspecto molhado.

Mulheres com lábios finos devem considerar tons mais claros para dar mais volume, enquanto lábios médios ficam bem com vermelhos vibrantes. Já nos lábios grossos, os vermelhos rosados são ideais.

Concluindo nossa jornada pelo fascinante universo do batom, é inegável o papel marcante que esse ícone desempenhou ao longo da história da beleza e autoexpressão. Desde as terras do Egito antigo até os dias atuais, o batom transcendeu as eras, mantendo-se como um símbolo eterno de sensualidade e confiança feminina.

Comunicar erro
TV AO VIVO
Anuncio Arraial do Cabo 01 a 18 Dezembro 2023